COMERCIAL ONLINE

Globo fará a maior e mais abrangente cobertura de sua história na Olimpíada



 A menos de 30 dias da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016, a Globo está pronta para fazer a maior cobertura esportiva de sua história. Além das cerca de 10 horas diárias de conteúdo olímpico no ar, a emissora vai oferecer ainda um segundo canal exclusivo, complementar, na plataforma do Globo Play, disponível também no globoesporte.com. Aberto e gratuito aos usuários em todo o Brasil, o canal será o "Play nos Jogos". Na Globo, serão 160 horas no ar, mais de 100 horas de transmissões ao vivo entre os dias 3 e 21 de agosto. Um time entrosado com mais de 2 mil profissionais vai acompanhar de perto os 400 atletas da delegação brasileira e os grandes ídolos internacionais para levar o melhor da competição para a casa de cada torcedor: nos programas, transmissões e telejornais, cada detalhe das disputas, as performances dos atletas, a emoção dos pódios. Natação, atletismo, judô, vôlei, ginástica artística, basquete, vôlei de praia, handebol e o futebol estão entre as modalidades que terão maior destaque na tela da Globo. Para ajudar a contar essas histórias, a emissora formou seu Time de Ouro, reunindo alguns dos mais importantes ídolos do esporte brasileiro. Guga, Hortência, Giba, Gustavo Borges, Daiane dos Santos, Flavio Canto, Maurren Maggi, Tande, Emanuel, Fabi, Shelda e Lars Grael. Doze ex-atletas que somam 20 medalhas olímpicas e dezenas de títulos mundiais vão usar a experiência de quem já esteve lá para comentar as competições e traduzir a emoção do atleta para o público. O Time de Ouro faz parte de um grupo de mais de 40 comentaristas, incluindo nomes consagrados do futebol como Ronaldo, Walter Casagrande, Junior, Caio Ribeiro e Juninho Pernambucano, e de outros esportes como o Tiago Splitter (basquete), Fernando Fernandes (canoagem de velocidade), Junior Cigano (boxe), Edson Luciano (atletismo), Ana Amorim (handebol) e Leandro Guilheiro (judô). Para vencer o desafio logístico que uma Olimpíada realizada em casa representa - são 42 modalidades, com 306 disputas que valem medalhas, e competições simultâneas concentradas em 33 locais de uma única cidade -, a Globo dividiu sua equipe em dois grupos para viabilizar o deslocamento durante a competição. Uma parte trabalhará da sede da emissora, no Jardim Botânico, e vai cobrir os esportes que acontecem nas arenas do Maracanã, na zona Sul e no Parque Olímpico de Deodoro. A outra equipe terá como base uma redação da Globo montada no IBC (International Broadcaster Center). Em um espaço de 800 m2, repórteres, cinegrafistas, produtores e comentaristas terão seus postos de trabalho, ilhas de edição, salas de reunião de pauta, tudo que é preciso para que os profissionais coloquem no ar as matérias sobre os esportes que acontecerão no Parque Olímpico da Barra da Tijuca e no Engenhão.

                                                     (Matéria Completa: TV Foco)


COMERCIAL

BAIXE NOSSOS MANUAIS EM PDF

CLIPPING